Conecte conosco

Oi, o que você está procurando?

Coluna

Como funciona a Reforma Tributária Brasileira

Por Maria Fernanda Senna – Pauta Independente

Modificar o sistema tributário pode ser uma medida tanto para aumento ou diminuição de tributos. De acordo com o atual ministro da economia Paulo Guedes, a reforma Tributária brasileira não tem como característica o aumento dos valores atuais.

O Brasil é um dos países que mais dispõe de taxas, impostos, contribuições e tributos. Em média, o brasileiro trabalha cinco meses para esses pagamentos (equivalente a 41% do salário do trabalhador).  Já as empresas tem uma média de 1500 horas anuais para o pagamento de tributos. Aproximadamente 62 bilhões de reais são gastos para ajuste das mais de 4300 normas tributarias que estão sempre oscilando.

Reforma tributária é uma reformulação político-econômica que tem como característica transformar os fundamentos estruturais da legislativa cobrança de impostos, taxas e outras contribuições dos brasileiros. A medida objetiva que, o sistema de tributação modifique para correção de empasses econômicos e social.

As três principais reformas tributárias propostas no Brasil são:

– Prevista pela câmara:  PEC-45, visa a fusão de IPI, PIS, Cofins (federais); ICMS (estadual); e ISS (municipal) no IBS (Imposto sobre Bens e Serviços).

– Prevista pelo senado: PEC-110, visa a fusão de IPI, PIS, Cofins, IOF, CSLL, Cide, Salário-educação (federais); ICMS (estadual); ISS (municipal) em um imposto único, também chamado IBS.

– Prevista pelo governo: propõe unir PIS/Cofins em um novo imposto, a CBS, Contribuição Social sobre Bens e Serviços.

As medidas visam uma maior simplificação do sistema tributário, acabar com as cobranças diferenciadas para vários setores, gerar competitividade na indústria e incentivar o crescimento econômico. Um dos pontos mais benéficos da reforma está relacionado a transparência, que permitirá a população saber o valor exato de impostos em cada produto adquirido. Todas as medidas tem a intenção de fazer do Brasil um ambiente mais estável na economia.

Maria Fernanda Senna

4 Comentários

4 Comments

  1. Ana

    12 de março de 2021 em 14:52

    Adorei o texto

  2. Márcia Suely Soares

    12 de março de 2021 em 10:39

    Sempre quis entender a reforma e agora esse texto me mostrou direito como é.

  3. Marli Nunes

    12 de março de 2021 em 10:05

    vim por indicação, adorei a escrita e conteúdo

  4. João Paulo

    12 de março de 2021 em 10:04

    “O Brasil é um dos países que mais dispõe de taxas, impostos, contribuições e tributos.”
    infelizmente temos que conviver com essa realidade.
    Gostei do conteúdo, importantíssimo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Economia

O economista da Fundação Getulio Vargas (FGV), André Braz, diz que a redução de 3,5% no preço do diesel, anunciada nesta quinta-feira (4), pela Petrobras, terá...

Política

O Senado voltará a analisar o projeto de lei que restringe as saídas temporárias de presos. A matéria foi aprovada pela Câmara dos Deputados...

Policial

Nesta quinta-feira (4), Emily Luiza Ferretti Fernandes, de 25 anos, foi morta a facadas dentro de sua casa, localizada no bairro Cardoso, na região...

Política

A Câmara dos Deputados aprovou, por 408 votos contra 9, o Projeto de Lei 643/20, que aumenta as penas para os crimes de furto...

Política

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei nº 14.431/2022 que libera o crédito consignado a beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e de programas federais...

Policial

Um homem de 27 anos foi baleado no peito, na barriga, nas costas e no pescoço dentro de uma distribuidora de bebidas no Barreiro,...

Gerais

O Tribunal do Juri montado para julgar os acusados pelo incêndio na Boate Kiss, ocorrido em 2013 na cidade de Santa Maria/RS, teve sua...

Coluna

No Brasil quem tem a caneta tem o poder. Ou ainda: “A caneta é mais poderosa que a espada” (em inglês: The pen is...