Conecte conosco

Oi, o que você está procurando?

Coluna

A fé em Deus nos dias bons e ruins

Por Maria Fernanda Senna – Pauta Independente

“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou; tempo de matar e tempo de curar; tempo de derribar e tempo de edificar; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar; tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar e tempo de afastar-se de abraçar; tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de deitar fora; tempo de rasgar e tempo de coser; tempo de estar calado e tempo de falar; tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz.“ Eclesiastes 3:1-17

A palavra de nosso Senhor é muito clara, para tudo na vida existe um tempo. Como em qualquer relação bem sucedida nossa vida precisa ter uma coerência e harmonia para conviver com os momentos bons e ruins.

Os dias difíceis, são propícios para fazermos um limite tênue entre nossos sofrimentos e nossa fé bem fundada. Tempos de medo e sombras são nada mais do que a oportunidade latente de fazer uma generosa autoavaliação, cortar os velhos vícios, almejar uma transcendência de modo que nossa existência seja lindamente imortalizada por meio dos ecos que construímos.

Os dias bons, são os melhores para olharmos a vida com uma beleza, um milagre que precisa ser compartilhado, ter um olhar bonito sobre nossa passagem aqui na terra. É exatamente nesses dias que precisamos de uma demanda honesta, uma intenção sagrada e uma lembrança constante de que Deus nos proporciona o bem viver.

A vida reside na intervenção respeitosa em saber conviver com dias bons e maus. Para ambos uma coragem avassaladora e uma intenção sagrada são a chave da sobrevivência. Não importa a alegria ou tristeza do momento, logo serão apenas um passado sobre o qual tiraremos lições, exemplos.

Qualquer ser humano, passa e passará por estes dois nortes: dias tristes e felizes. Não ser feliz o tempo todo é parte da jornada, o que realmente nos dá forças e sentido para continuarmos na terra, comprimindo nossa missão é a fé em Deus, fé esta que nos permite ter uma esperança e uma gratidão que são capazes de enfrentar qualquer situação.

Maria Fernanda Senna

 

Comentários

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Religião

A morte de João Batista abalou Nosso Senhor, que naquele dia quis ficar só, precisou de uma pausa. Tão conhecido no evangelho é a...

Gerais

Via: dayly caller com tradução de Maria Fernanda Senna Mais da metade dos americanos acredita que o presidente Joe Biden não é “mentalmente aguçado”...

Gerais

Via: terra Brasil O piloto de moto espanhol Dean Berta Viñales, 15 anos, morreu neste sábado (25) após um grave acidente durante a corrida...

Coluna

Via: national review com tradução de Maria Fernanda Senna Bruce Abramson tem uma coluna na RealClearPolitics reclamando que os conservadores deveriam se concentrar menos em conservar e resistir...

Coluna

Por: Bethânia Teixeira Mendes A posse e o porte de armas de fogo sempre foram permitidos no Brasil. O direito de acessar armas de...

Gerais

O Banco Central da China declarou hoje (24/09), ilegais todas as operações envolvendo criptomoedas sob alegação de que essas operações põe em risco a...

Gerais

O governador Romeu Zema (NOVO) anunciou hoje (24/09), através de suas redes sociais que decidiu vetar o projeto de lei 1155/2015 que estabelecia novas...

Gerais

O líder do MTST promete novos ataques com um suposto combate contra a fome e o desemprego. Guilherme Boulos (Psol), líder do Movimento dos...